Aviso: O telefone (47) 3322-4060 possui a função de atendimento via WhatsApp.
Skip to content

Nosso papel é garantir melhor qualidade de vida a você, trabalhador!

SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA GRÁFICA DA COMUNICAÇÃO GRÁFICA E DOS SERVIÇOS GRÁFICOS DE BLUMENAU E REGIÃO

menuclear

STIG conquista reajuste acima da inflação para gráficos de Blumenau e Região.

Nos últimos oito anos, os trabalhadores da região se destacam por serem os únicos da categoria catarinense que recebem remuneração acima do piso estadual. Este ganho resulta da forte atuação do Sindicato da categoria (STIG). Além do piso maior, destacam-se ainda por terem vale-refeição diário de R$ 13 e um auxílio-creche mensal de R$ 122

Nesta semana, graças a atuação do STIG outra vez, presidido por Moacir Effting, os 4 mil trabalhadores das indústrias gráficas de Blumenau e região começam a receber sua remuneração com reajuste acima da inflação de 2020. Mesmo com alta inflação, especificamente de 5,45%, e os impactos na economia por conta dos impactos da pandemia, criando muita dificuldade para a negociação salarial deste ano, a entidade sindical conseguiu superar esses gargalos e garantir um aumento maior. O reajuste foi de 5,70%, o que permitiu a subida do piso para R$ 1.566,40 – valor superior até mesmo ao que deve se tornar o novo piso dos gráficos de Santa Catarina em 2021 (R$ 1.487).

Desde que assumiu a frente do STIG, Moacir tem atuado para melhorar a vida e o trabalho dos gráficos. Afinal, este é o seu lema. Não por acaso, há oito anos consecutivos o salário dos gráficos da região se mantém no padrão superior ao piso catarinense. Todavia, o dirigente revela que nos últimos anos, em sintonia com a política do governo central de plantão, a negociação tem ficado mais difícil, piorando agora no cenário pandêmico e com muitas incertezas pela frente. “Porém, felizmente, conseguimos avançar na melhoria da renda da categoria e renovamos a convenção”, desabafa o sindicalista.

Desse modo, ninguém pode receber menos de R$ 1.566,40 nas gráficas de Blumenau, Brusque, Gaspar, Indaial, Pomerode e na cidade de Timbó. A única exceção é no caso dos empregados com menos de três meses de trabalho na empresa. Neste período de experiência, o piso, que também passou por reajuste, subiu de R$ 1.304,60 para 1.383,80. Portanto, o sindicato orienta os gráficos a denunciarem em caso de receberem menos que isso. Denuncie e se sindicalize para fortalecer a organização sindical da categoria em defesa da própria classe.
Além do reajuste de 5,70%, que corresponde a 0,25% acima da inflação, o STIG também conseguiu garantir a distribuição do vale-refeição para as empresas que não fornecem a refeição dos gráficos no trabalho. Não só foi mantido este direito, como também houve um reajuste. O benefício subiu de R$ 12 para R$ 13 diário. Ainda tem auxílio-creche de R$ 122 mensal. Sem falar que todos os demais direitos sociais e econômicos da categoria continuam na nova Convenção Coletiva de Trabalho, em vigor até o final deste ano.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias Gráficas (Conatig) parabeniza o trabalho de ação sindical que tem qualificado a situação econômica da classe e a sua Convenção Coletiva de trabalho, garantindo melhores condições e igualitárias para o conjunto dos trabalhadores nas empresas em geral, amenizando assim uma parte dos efeitos negativos da Lei da Reforma Trabalhista de 2017, esta que tem elevado a precarização do trabalho e a fragmentação da categoria no Brasil” O STIG Blumenau, presidido por Moacir, tem dado demonstração de um trabalho efetivo de ação sindical”, diz Leonardo Del Roy, presidente da Conatig.

Parceiros

Convênios

ELEVA
CIPAC DIAGNÓSTICOS
DROGARIA CRISTIAN
ACADEMIA LIFE
KNN
Espaço Terapeutico Bem Viver
  • © 2021 Sindgraf
  • SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA GRÁFICA DA COMUNICAÇÃO GRÁFICA E DOS SERVIÇOS GRÁFICOS DE BLUMENAU E REGIÃO
  • E-mail:  sindgraf@sindgraf.com.br
  • Telefone: (47) 3322-4060 / (47) 99193-9015
Contato
    Desenvolvido por: Bsuix.cc