Skip to content

Nosso papel é garantir melhor qualidade de vida a você, trabalhador!

SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA GRÁFICA DA COMUNICAÇÃO GRÁFICA E DOS SERVIÇOS GRÁFICOS DE BLUMENAU E REGIÃO

menuclear

Juiz intima AJ da RR Donnelley sobre o movimento da gráfica após autofalência.

Intimação ocorreu há pouco a pedido do STIG e da Conatig após negativa do AJ de se reunir com a comissão dos gráficos demitidos e sindicalistas. A polícia de Osasco também está no caso a pedido do movimento sindical

No fim do mês completa oito meses da demissão coletiva de 900 gráficos das unidades brasileiras da multinacional norte-americana RR Donnelley (duas em São Paulo e uma em Blumenau/SC), após a empresa alegar a autofalência, mesmo tendo clientes de peso, como o governo federal. Na Justiça, a RRD conseguiu o reconhecimento do processo de autofalência. Foi então indicado o Administrador Judicial (AJ) – Fernando Borges para cuidar das questões e dos pagamentos de todos os credores. Apesar de tanto tempo, não incluiu os demitidos na lista de credores. E ainda tem mantido em operação uma unidade paulista da gráfica em Osasco. Tudo isso sem prestar qualquer esclarecimento à comissão de trabalhadores e sindicalistas (de STIGs, Ftigesp e da Conatig), apesar dos vários pedidos.

O caso foi parar na polícia após o movimento sindical acionar o Ministério Público. O delegado do caso já ouviu os sindicalistas. O único que não se reúne com os trabalhadores e com sindicalistas é o AJ. Se recusa. Porém, a pedido os órgãos sindicais, ele terá de prestar esclarecimento. O juiz do caso acaba de intimá-lo a prestar informações até sobre a movimentação financeira e operação da RR Donnelley após a autofalência em 1º de abril.

“Esse AJ não quis nos receber, apesar de nossa insistência desde o início do mês de setembro. Limitou-se a dizer, por e-mail, que só fala nos autos do processo. Coisa que ainda não aconteceu. Assim, acionamos o nosso jurídico, que solicitou ao juiz do caso (da 1ª Vara Civil de Osasco) a devida intimação para a apresentação da prestação de conta da empresa. O juiz assim o fez”, diz Leonardo Del Roy, presidente da Confederação Nacional dos Gráficos (Conatig) e da Federação Paulista da classe (Ftigesp).

O movimento sindical está atento e continua preocupado com a situação. Não descansará enquanto tudo for esclarecido e depois resolvido em favor de centenas de trabalhadores gráficos. “Entendemos que o AJ deve proceder de forma onde leve em conta a importância dos trabalhadores e de suas entidades sindicais. Do contrário, agirá individualmente”, diz Roy.

A afirmação do sindicalista se baseia em farta quantidade de documentos do movimento sindical, em defesa dos gráficos demitidos, enviados para o AJ e sem resposta do mesmo, ou sem atendimento do pleito, ou mesmo sem o cumprimento até o momento do que foi assumido. Só em setembro, por exemplo, não teve resposta a dois ofícios enviados em datas distintas.

Em outubro, foi necessário a Conatig enviar também. Alertou inclusive da denúncia de que havia 27 gráficos trabalhando na RRD naquela ocasião.  Cobrou esclarecimentos da operação e movimentação de caixa. O AJ se limitou, por meio de representante via e-mail, a dizer que só responde nos autos. O que ainda não ocorreu. “Vamos ver se responde agora com a intimação do juiz que solicitamos através do jurídico do STIG Barueri/Osasco-SP”, completa Del Roy.

A polícia de Osasco também está no caso. Del Roy e Joaquim Oliveira, que é presidente do STIG local, prestou inclusive depoimentos no final de outubro. A investigação policial foi aberta depois que o movimento sindical acionou o Ministério Público. E lá solicitou a procuradora o apoio para que se investigue suspeitas de possíveis fraudes no processo de autofalência.

“Estamos buscando os caminhos necessários para que todos gráficos prejudicados pela RR Donnelley recebam seus direitos. Foram 25 anos da atuação dessa empresa no Brasil. E todo esse tempo os profissionais fizeram sua parte com responsabilidade e merecem o mesmo em troca. Todavia, a empresa tem gerado grande dificuldade para esses gráficos. Ninguém recebeu seus direitos. Continuaremos nesta luta até que tudo seja resolvido. Esse é nosso compromisso e missão”, destaca Del Roy.

Parceiros

Convênios

Corpo em Ação
Bluclin
Dorita
Laboratório Equipe
Adriana Ribeiro da Silva
Cascata Berlin – Parque Aquático
  • © 2020 Sindgraf
  • SINDICATO DOS TRABALHADORES DA INDÚSTRIA GRÁFICA DA COMUNICAÇÃO GRÁFICA E DOS SERVIÇOS GRÁFICOS DE BLUMENAU E REGIÃO
  • E-mail:  sindgraf@sindgraf.com.br
  • Telefone: (47) 3322-4060
Contato
    Desenvolvido por: Bsuix.cc